A SEFIN

A Secretaria de Finanças – SEFIN carrega em seu escopo quatro aspectos que considera como essenciais na busca constante de uma Gestão Fiscal de Excelência.

Característica também presente na gestão das finanças de São Gonçalo do Amarante é o aspecto social, isso porque, é a sua razão de ser, de necessitar existir, e no caso da SEFIN, sua razão é a de suprir, financeiramente, as demandas sociais, através do combate à sonegação, da cobrança e arrecadação dos tributos municipais, bem como no gerenciamento de todas as receitas públicas.

E não menos importante, o aspecto econômico, principalmente quando suas atividades contribuem, indiretamente, para o exercício das funções, distributiva e alocativa, executadas por todas as Secretarias, através da previsão, administração e aplicação de recursos, impactando diretamente na qualidade de vida de todos os gonçalenses.

Assim, a Secretaria de Finanças de São Gonçalo do Amarante é o órgão responsável pela arrecadação e gestão das receitas e despesas públicas municipais. Para a gestão das receitas municipais, a SEFIN possui, como “porta de entrada”, os Setores de Arrecadação e Tributos; já na fiscalização das receitas, principalmente aquelas oriundas dos tributos municipais, temos o Setor de Auditoria, onde também são demandadas as principais ações da Secretaria no que se refere ao monitoramento e acompanhamento dos maiores contribuintes do principal imposto do município de São Gonçalo do Amarante, qual seja, o Imposto sobre serviços de qualquer natureza – ISSQN.

O registro e acompanhamento das despesas públicas fica por conta do Divisão de Contabilidade, este setor também é responsável pelo monitoramento e cumprimento de normas oriundas dos órgãos de regulação e fiscalização nos quais o município está sujeito, tais como: Tribunal de Contas do Estado do Ceará – TCE, Conselho Federal de Contabilidade – CFC (Normas Brasileiras de Contabilidade) dentre outros.

A Tesouraria auxilia o Secretário de Finanças na gestão do fluxo de caixa e na disponibilidade financeira dos recursos do Município. O Departamento de Tecnologia da Informação é a área estratégica da SEFIN responsável por entender, planejar e desenvolver soluções que aplicam a “T.I.” para todos os departamentos e setores da Secretaria, através do estímulo e compartilhamento do uso da tecnologia da informação, objetivando dá maior eficiência, eficácia e efetividade administrativa, inclusive na busca constante pela desburocratização do acesso ao serviço público pelo cidadão.

Agora que você leu as principais características da Secretaria de Finanças, conheça o perfil dos gestores, a estrutura organizacional detalhada da Secretaria de Finanças e as principais atribuições e competências:

Pular para o conteúdo